Quase 400 kg em 6 horas e em 2 ilhas!

cleanup sao miguel futurismo

258 kg em São Miguel

O dia 22 de maio foi o Dia Internacional da Biodiversidade. Para festejar a data e no âmbito da campanha Açores Entre-mares do Governo Regional dos Açores, pusemos mãos à obra e organizámos uma limpeza costeira na Lagoa. A cada ano, este dia tem um tema diferente, e este ano foi “Nós fazemos parte da solução”.

Sempre que fazemos uma campanha de limpeza, contribuímos para os projetos OceanLit e Life IP Azores Natura, recolhendo dados e ajudando a monitorizar os detritos costeiros encontrados na costa de São Miguel, e a sensibilizar a população local para a problemática do lixo.

Quarenta pessoas e duas horas de limpeza foi o que precisámos para recolher 258kg de lixo costeiro. Destes 258 kg, 80,7 kg foram plástico, 26 kg metal, 20,5 kg vidro e 124,5 kg foram lixo indiferenciado.

Uma coisa é certa, infelizmente muito do lixo que recolhemos foi lixo de origem local. Desde copos de iogurte a garrafas de água e embalagens de sabão e sumo. De sapatos a chinelos e escovas de dentes. Isto coloca os nossos hábitos diários em perspetiva. Precisamos de escolher local em vez de global, orgânico em vez de produtos químicos e, definitivamente, precisamos de reduzir, reutilizar e reciclar.

Felizmente, todo o entulho recolhido foi encaminhado para a Câmara Municipal de Lagoa e encaminhado para a central de gestão de resíduos. Não está mais no meio ambiente e não pode prejudicá-lo.

Nunca se esqueça de que temos o poder de escolher os nossos comportamentos. E, como consumidores, temos o poder de mudar o mundo, basta sermos cuidadosos com o que compramos!

Muito obrigado a todos os que participaram, fizemos um excelente trabalho! E muito obrigado aos projetos Life IP Azores Natura e OceanLit e à Greener Act por serem nossos parceiros.

No Pico conseguimos recolher um total de 121.3 kg

No sábado limpámos a zona costeira da Baía da Barca na Madalena. Durante quase 4 horas de trabalho árduo, a nossa equipa diária conseguiu recolher um total de 121,3 kg de lixo marinho, principalmente plásticos (64,9 kg de plástico, 6,5 kg de vidro, 17,5 kg de metais e o resto são resíduos indiferenciados). No final todos estavam cansados, mas felizes! E valeu a pena porque o resultado estava aqui!

De acordo com o OCEANLIT, projeto do qual somos embaixadores, comunicamos à DRAM os dados do lixo marinho que encontramos. Um grande obrigado a todos os voluntários, pela sua forte determinação e pela sua ajuda nas mais variadas formas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You May Also Like