Peixes-lua, o maior peixe ósseo que encontramos nos Açores

Os peixes-lua são animais envoltos em magia fomentados pela sua forma bizarra e dimensões colossais. É o maior peixe ósseo existente no mundo, até à data, podendo atingir mais de 4m entre barbatanas.

Photo: David Rodrigues

Habita em ambientes tropicais a subtropicais, daí a notada presença de peixes-lua nos Açores, sendo que o maior animal registado no mundo pesava cerca de 3 toneladas.

No passado dia 10 de dezembro, foi encontrado morto um peixe-lua com quase 3 toneladas (2740Kg), junto a porto da Horta, na ilha do Faial. Biólogos marinhos da Universidade dos Açores vão estudar as causas da morte.

Os peixes-lua são muitas vezes encontrados junto à superfície horizontalmente, ao que se julga, na tentativa de aves marinhas, por exemplo, capturarem os vários parasitas que se alojam na sua pele. Já foram encontrados espécimes com 50 espécies diferentes de parasitas! No entanto, estes magníficos animais podem frequentar meios mesopelágicos, havendo dados que o sustentam, pois há registo de atingirem 600m de profundidade.

Photo: David Rodrigues

Há uma correlação direta entre a sua dieta e as profundidades que atingem, sendo que os peixe-lua têm um menu bastante diversificado como lulas, peixe-miúdo, tunicados e medusas. São também a espécie conhecida mais prolífica, em que uma única fêmea pode, numa única postura, libertar 300 milhões de ovos!

É a riqueza da nossa biodiversidade bem inerente nesta espécie e neste achado na ilha do Faial.

Photo: David Rodrigues

 Durante as nossas viagens de observação de cetáceos, vemos peixes-lua de vez em quando. Em agosto de 2019 foi um dos últimos registos que tivemos, além de janeiro de 2022.

Escrito por Maria Inês Pavão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You May Also Like