BALEIA ANÃ

Balaenoptera acutorostrata

As baleias anãs são as mais pequenas e mais abundantes dos rorquais. Estão divididas em duas espécies distintas: baleia-anã comum (B. acutorostrata) e baleia-anã Antártica (B. bonaerensis). As baleias anãs no hemisfério norte podem ser distinguidas por uma banda branca que está presente em ambas as barbatanas peitorais. Os indivíduos são principalmente encontrados sozinhos ou em pequenos grupos. À superfície, podem viajar relativamente rápido e mergulham durante 20 minutos. Às vezes, podem ser vistas a fazer aproximações aos barcos e a nadadores.

Tal como as outras espécies de baleias de barbas, as baleias anãs são observadas nos Açores, principalmente durante os meses de Primavera, apesar de não serem encontradas com tanta frequência. Podem ser difíceis de detectar à superfície devido ao seu pequeno tamanho corporal e bufo baixo que é difícil de avistar.

Vídeo

Info sobre a espécie

Comprimento

Macho: 9.8 m
Fêmea: 10.7 m
Cria: 2-2.8 m

Peso

Fêmea: 9,200 kg

Características

População Mundial: c.209,800
Conservação: Pouco preocupante
Dieta: Krill e cardumes de pequenos peixes
Barbas: 230-360 pares brancas
Longevidade: 30 – 50 anos
Idade de acasalamento: 3 – 8 anos
Gestação: 10 – 11 meses
Amamentação: 4 – 6 meses

Outros idiomas

Português: Baleia-anã
Espanhol: Ballena minke
Francês: Baleine de minke
Italiano: Ballenottera minore
Alemão: Gewöhnlicher Zwergwal
Holandês: Dwerg vinvis
Sueco: Vikval
Norueguês: Vågehval
Dinamarquês: Vågehval
Finlandês: Lahtivalas
Polaco: Pletwal karlowaty
Russo: Karlikovyi polosatik

TOP
EXPERIÊNCIAS AÇORES

Os galardões

premios parceiros futurismo açores
Close Menu
Trip Advisor
Facebook
Instagram
Twitter